sábado, 20 de dezembro de 2014

CONSEQUÊNCIAS DO TABAGISMO

Sabes que o tabagismo é o vicio de fumar e é considerado, pela Organização Mundial de Saude (OMS), a principal causa de morte evitável.
Neste filme verás a quantidade de alcatrão que existe em 400 cigarros (20 maços de tabaco). Alcatrão que os fumadores acumulam nas vias respiratórias e que causa doenças graves, podendo ser causa de morte.


Sabes que o tabaco é obtido a partir de uma planta cujas folhas são secas e depois tratadas por um processo de transformação que as prepara para utilização em cigarros, cachimbo, charutos, etc.
Sabes, também, que o tabaco é muito prejudicial à saúde, pois contém constituintes muito perigosos. Por isso o tabagismo é considerado um dos problemas de saúde pública mais graves hoje em dia, razão pela qual os maços de tabaco apresentam informação escrita sobre os efeitos do tabaco na saúde, é proibida  a venda de tabaco a menores e, além disso, é proibido fumar em certos locais.
Os fumadores passivos, pessoas que estão sujeitas ao fumo do tabaco dos outros (adultos que frequentam ambiente de fumadores, crianças cujos pais fumam ou que frequentam ambientes de fumo, etc.), estão sujeitos às mesmas doenças dos fumadores.
O tabaco tem cerca de 4000 constituintes, de que destacámos:
  • alcatrão - provoca o cancro de pulmão e de outros órgãos;
  • nicotina - provoca o vício;
  • monóxido de carbono - é um gás tóxico (venenoso) que diminui a capacidade do sangue para transportar o oxigénio até às células; durante a hematose pulmonar o monóxido de carbono ocupa o lugar do oxigénio;
  • substâncias irritantes - diminui as defesas, provoca tosse, catarro, etc.
  • etc.
A sinalética (placas com informação)  lembra-nos as leis relativas à prevenção do tabagismo:

O tabaco é, ainda, uma das principais causas da poluição do ar do interior das habitações, edifícios, etc.
Para recordares assuntos tratados nas aulas e ajudares familiares ou amigos a deixar de fumar, consulta os filmes e as notícias publicadas no Portal da Saúde, em jornais e na televisão:
Agora, que já sabes como funciona o sistema respiratório e sabes os efeitos do tabaco na saúde... faz uma pesquisa sobre:
  •  VANTAGENS DE NÃO FUMAR na saúde, no desporto, no aspeto físico, etc. Pergunta  a familiares, farmacêutico, médico de família, enfermeiro, etc.
  • INFORMAÇÃO ANTI TABÁGICA EXISTENTE NOS MAÇOS DE TABACO: frases chamando a atenção para os efeitos do tabaco na saúde.
Além dos efeitos negativos do tabaco, não esqueças: quando as pessoas não cumprem a Lei... pagam multa.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

ERROS ALIMENTARES - excesso e carência de nutrientes

Os erros alimentares são devidos a uma alimentação errada, desequilibrada, que não cumpre as indicações da Roda dos Alimentos e podem ser devidos:

1. A excesso de nutrientes - de lípidos ou gorduras (porque se abusa dos fritos, dos bolos com creme, dos folhados, das carnes gordas, etc); de glúcidos (quando se abusa dos doces, refrigerantes, bolos, etc); de proteínas (quando se come excesso de carne, especialmente carne vermelha).
A obesidade, as doenças do coração e vasos sanguíneos bem como a cárie dentária e algumas doenças dos rins, são devidas a erros alimentares.

2. À falta de nutrientes (carências alimentares) - quando uma criança ou jovem não come proteínas, legumes e frutos em quantidade suficiente, tem problemas de crescimento, baixa resistência, dificuldades de aprendizagem e falta de defesas contra as doenças.
Há pessoas que fazem um alimentação cara, mas não comem alimentos de todos os setores da Roda dos Alimentos e por isso mesmo têm falta de minerais (cálcio, fósforo, ferro, flúor) e de vitaminas... e ficam doentes.

A alimentação diária deve fornecer variedade e quantidade de nutrientes que necessitamos para o dia-a-dia; mas as necessidades nutricionais (em nutrientes) dependem da idade, do tipo de actividade física e do estado de saúde.
Uma alimentação pobre em cálcio deixa "marcas" no corpo ... pois os ossos ficam muito fracos, podendo partir com facilidade; esta doença é conhecida por osteoporose e provoca diminuição de altura à medida que as pessoas envelhecem. Se, ao longo da vida, uma pessoa não comer alimentos fornecedores de cálcio (leite, queijo ou iogurte, feijão, espinafres, bróculos, etc) em quantidade suficiente e não praticar atividade física, terá problemas ósseos.
A falta de atividade física e uma alimentação errada, com excesso de gorduras e açúcar, dão mau resultado ... por isso se diz que a saúde e a forma física dependem das nossas escolhas diárias.
Quem dá preferência a uma alimentação pobre em vegetais, frutos e leite... e prefere alimentos ricos em gordura (batatas fritas, folhados, bolachas com gordura) e guloseimas (refrigerantes, doces, gomas, etc.), facilmente ficará doente e obeso.

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Quando uma Alimentação é COMPLETA, VARIADA e EQUILIBRADA, diz-se que é uma ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL.
Sabes o significado desses termos?
Alimentação Completa - devemos comer alimentos dos diferentes setores da Roda em todas as refeições, ou pelo menos ao longo de cada dia.
Alimentação Equilibrada - comer mais dos setores maiores  menos dos setores menores
Alimentação Variada - variar de alimentos de refeição a refeição e ao longo da semana. Exº: ao almoço carne +...; ao jantar peixe +...

Roda dos Alimentos dá-nos informações sobre o modo como devemos escolher os alimentos no dia a dia.

Aprendeste que há 7 nutrientes:glúcidos, protídos, lípidos, vitaminas, minerais, fibras e água.
Observa a Roda dos Alimentos e tenta associar os alimentos aos nutrientes que cada um contém.
É bom que saibas que os alimentos estão associados na Roda em função dos nutrientes que contêm. Agora vai ser fácil aprenderes a escolher alimentos de modo a fazer uma ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL que vai manter-te elegante, saudável e te ajude a estar com atenção e interessado nas tarefas da aula e, ainda, a ter bom resultado no desporto que praticas. 
Lembra-te que os constituintes dos alimentos nos ajudam no raciocínio, memória e também no equilíbrio, resistência e força física.

Não esqueças:
  • os alimentos do setor dos lípidos (gorduras) devem estar presentes em pequena quantidade na nossa alimentação; 
  • há alimentos que não parecem conter gorduras mas que afinal as contêm em quantidade elevada tal como o chocolate, os panikes e os folhados... ricos em gorduras "escondidas";
  • há também açúcares "escondidos" nos refrigerantes, em cereais de pequeno almoço e em bolos.

Para saberes mais sobre alimentação e ajudar a tua família a escolher alimentos saudáveis  pesquisa e informa-te: